Na linha de frente do controle da pandemia da Covid-19 em Colombo, o diretor clínico do PA do Alto Maracanã, (Wagner Sabino) centro das ações para monitoramento e atendimento dos infectados pela doença, disse que nesse momento, o maior problema a ser enfrentado é a falta de uma maior conscientização e racionalidade de certos setores da sociedade, que ignoraram o isolamento e o distanciamento social, um dos principais meios de evitar a circulação do virus, ao promover  baladas e eventos clandestinos em bairros de Colombo.

Na  última terça-feira prefeitura decretou novo look dow e o toque de recolher para evitar que  novos fatos desses tipo venham a acontecer.  Na pesquisa feita pelo site Voto Colombense ( https://www.votocolombense.com.br/enquete-relampago-voce-acha-que-colombo-deveria-adotar-medidas-mais-restritivas-como-o-lockdown-e-o-toque-de-recolher-de-pinhais/) 80% dos votantes são a favor das medidas adotadas pelo poder executivo.

Segundo o Dr Wagner Sabino, a situação  no Paraná e na Região Metropolitana está se tornando crítica, com a capacidade dos hospitais públicos e privados se esgotando.

O médico ainda destacou que a  falta de empatia com o restante da população, não só coloca em risco o controle da Covid-19, como também mostra a falta de respeito com o trabalho daqueles profissionais que estão de dia e de noite na linha de frente da luta para que o vírus não circule, e assim evitando mais contaminações.

Sempre lembrando que o Brasil já ultrapassou a marca de mais de um milhão de contaminados e mais de 52 mil mortos.

” Não dá para compactuar com esse tipo de ação de pessoas sem noção, que estão fazendo nesse momento crítico uma  verdadeira roleta russada COVID-19, brincando com coisa séria, isso reflete a falta de consciência e até mesmo de amor à vida por parte daqueles, que ao invés de  ajudar no combate da pandemia, vão no sentido contrário, e  esquecem que eles podem se tornarem  vitimas e agentes  assintomáticos, e assim transmitirem a doença até para familiares, que sequer podem se precaver

A  atitude tomada por diversos prefeituras em adotar o toque de recolher e no novo Lock Down foi acertada, até para preservar as vidas dessas pessoas, pois  enquanto o brasileiro não se convencer de que ainda não há vacina, e nem remédio 100% eficaz  no  combate ao vírus, o melhor a fazer é seguir os protocolos dos órgãos de saúde responsáveis e dos cientistas que estão à frente da guerra contra o Covid-19″ Frisou Wagner Sabino

Deixe uma resposta