A partir desta data o site Colombo Atenta entra em recesso, e o retorno está previsto para o mês de Fevereiro de 2020, com mais alguns colaboradores e estudantes de jornalismo, sob minha coordenação, ou de uma outra amiga ligada a politica de Colombo e com experiência na área jornalistica.

O Colombo Atenta nasceu para ser diferente e livre, e apesar das dificuldades enfrentadas por mim, as fisicas principalmente, não irá  ser negociado, e muito menos encerrará suas atividades, a função desta canal é ser referência para o pleito eleitoral de 2020, não sendo parcial,e nem exercendo uma função acritica, mesmo que para isso tenha que enfrentar vários e vários processos, pois sou um democrata de centro-esquerda, e entendo que devo preservar minha biografia e me manter vivo pela luta em favor da democracia, sempre abrindo espaço para o direito ao contraditório e as retratações e os direitos de respostas como reza a Lei de Imprensa, nunca me neguei a isso.

O que não posso admitir e nunca admiti, é a ameaça contra o meu direito de atuar e me expressar, e sempre foi assim desde de 1978, quando comecei minha luta contra a Ditadura, como fez meu pai,Luiz Vicente Claucio e meus tios.

Se por ventura não querem usar o espaço para reivindicar seus direitos, penso que terei de comparecer ante aos Tribunais, mesmo sob uma maca e com respirador artificial, só assim muitos entenderão e conhecerão a verdade que até hoje está oculta aos amigos e familiares, mesmo sendo um ser limitado,tanto fisicamente, quanto espiritualmente,não possuo a pretensão de ser uma alma perfeita em um mundo caído e cheio de imperfeições, sei exatamente qual é o meu espaço e minha responsabilidade nesse contexto de vida, é por ele, e por muitos, é que me mantenho vivo e luto.

Me despeço até 2020, pois minha luta é diária para sobreviver, e se acaso meu momento de partir estiver próximo, espero que tenha deixado algo de bom para a história de Colombo.

Quero que todos entendam, eu não estou só nesta vida, eu tenho os anjos que me protegem, eu tenho a fé na vida, aqui e na eternidade, eu tenho Dona Maria do Rocio Gil Glaucio, eu me refugio no Deus que tudo pode, eu tenho amigos sinceros, como a DRA MARISTELA GUIMARÃES CAVALLI,  e pela força do altissimo, eu sou invencìvel, sai das religiões para que Cristo viva em mim, pois como disse PAULO: “Sei estar abatido, e sei também ter abundância; em toda a maneira, e em todas as coisas estou instruído, tanto a ter fartura, como a ter fome; tanto a ter abundância, como a padecer necessidade. Tudo posso naquele que me fortalece”

Glaucio Elias

Postado por Luara de Lara.

No último dia 27/11 fez três anos que meu partiu desta vida, fica aqui minha homenagem ao mestre LUZ VICENTE CLAUCIO

VOU AO TEU ENCONTRO

Hoje alguém morreu, alguém como eu,

pele, ossos, sentidos
Alguém que posto em silêncio
arrebatava amigos, abria os céus, construia refugios, no silêncio de Deus era nosso porto seguro

Sempre foi assim, sempre foi assim
você partia do nosso lugar,
voltava pra nós,
com aquele terno carinho de pai,
e muita história pra contar desse país,
os sonhos desses brasis…

Eu Vou ao teu encontro
Sem hora pra chegar
Meu sonho aqui tá pronto

Pai..
De volta pro nosso lar

O tempo é sábio, sábio o tempo é
o lamento por vezes parece que vai ser trágico…
Preciso saber te seguir por fé
pegar uma carona nas asas do vento,
dar uma volta no ínfinito,
no azul do espaco…

dizer pra minha gente, pra minha gente contar
irei adormecer no colo do meu mestre, vou aliviar meus fardos e cansaço…
pai, não feche a porta, eu em breve vou chegar

Hoje a voz do tempo se cala
diante da inevitável viagem
no âmago da minha dor nunca me deixou desprotegido
Não fugiste sem explicar nada,foste preparar nova morada

a tua guerra já estava vencida…
doeu viver tua alma ferida ,
não estar ao teu lado na partida…
fiquei sem, sem qualquer guarida

Vou ao Teu Encontro
Letra: Elias Glaucio
Música: Menthien DZ
Arranjo e interpretação: Menthien DZ

 

Deixe uma resposta