Em seu comentário para as emissoras de rádio, nesta quarta-feira (18), o senador Roberto Requião mostrou os equívocos da juíza da Vara de Execuções Penais do Paraná que, sem que ele pedisse, pretendeu vetar a sua visita ao ex-presidente Lula. De viagem ao
Equador, o senador disse que não pediu a ninguém licença para ver o ex-presidente, mesmo porque a Constituição e o Regimento Interno do Senado asseguram-lhe plenamente o direito à visita. Ouça:

Fonte: http://www.robertorequiao.com.br/

Deixe uma resposta