O ex-vereador Ratinho de Colombo , que não se reelegeu na última eleição , mas que através da influência de Marcelo Richa e seu pai o Governador Beto Richa conseguiu uma cargo no Detran , com um salário de R$ 6,000,00 mensais , agora têm por objetivo ser novamente candidato e presidente da Liga de Futebol de Colombo , cargo que ocupou por duas gestões , sendo considerado um dos melhores mandatários que a entidade já teve .

O fato de o ex-vereador querer ser novamente presidente da Liga e sucessor de Carlos Roberto Gonçalves não teria nada de mais , visto que Ratinho é politico e um esportista nato . A grande questão que fica na mente dos dirigentes do futebol de Colombo é que sua vontade vem justamente em um ano politico em que o filho do governador Beto Richa irá se candidatar a uma cadeira na Assembléia Legislativa , para bom entendedor isso já o tom de que forma a Liga será usada , será um palanque politico para o Marcelo Richa.

Para muitos desportistas isso seria inaceitável , ainda mais agora que a Liga precisa de uma nova forma de gestão , precisa rever seu estatuto e em conjunto com a Secretaria de Esportes e o Departamento dirigido por Paulo Cesar Cardoso realizar uma nova revolução no futebol de Colombo , hoje com Hélio Cury a frente da FPF o amador está prestes a morrer , pois para filiar um clube a entidade cobra R$10,000,00 de taxa de filiação mais a taxa de alvará de licença .

Quando perdeu sua reeleição para vereador , Ratinho de Colombo reivindicou a chefia do Departamento de Esportes que é o destaque desta gestão atual , mas graças a pressão dos desportistas o politico não conseguiu seu intento .

Deixe uma resposta