A foto que o Planalto divulgou hoje na posse da nova PGR é a cena mais dantesca do dia. Mostra propositalmente que os canalhas do Executivo e do Legislativo não estão sozinhos. Arrastam as duas senhoras e as posicionam entre eles como que para legitimar a canalhice e apregoar a cumplicidade. O discurso de Temer não deixou nenhuma dúvida sobre essa intenção.

A formalidade do cargo de presidenta do STF pode até exigir presenças hipócritas. Mas a fortaleza de caráter sempre fornece uma saída pra não se emporcalhar na mesma latrina. Não parece ser esse o cuidado Carmen Lúcia. Muito menos de dona Dodge que exalava um sorriso deslumbrado durante toda cerimônia e se arreganhava toda na hora dos cumprimentos.
Mas dela, que esperar depois de aceitar o convite de um chefe de “quadrilhão”, mesmo não tendo sido a escolhida entre seus pares?

Augusto Ferreira – Página pessoal no Facebook – https://www.facebook.com/augustoferreira65

 

Deixe uma resposta