Ao conceder a reposição salarial para os servidores municipais de Colombo , conforme decreto divulgado no ultimo dia 19 de julho , a prefeita Beti Pavin quis deixar transparecer que a prefeitura estava estabelecendo uma justa politica de aumento salarial para o funcionalismo , mas , na realidade a prefeita não só fez o que é de lei , como também deu uma surrupiada nos vencimentos da classe , com um jeitinho daqueles tipicos da turma da pavinlândia .

Ao conceder o reajuste com base no  Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) que ficou em 2,99 em junho , Beti Pavin ignorou a data base de maio , cujo o indice aplicado deveria ser o do mês de abril , que ficou em 4,08% , ao invés disso a aplicou o indice de junho , levando os servidores no bico em três meses, além de diminuir o indice  ,passou a perna nos servidores em 90 dias , já que que não concedeu o reajuste com base no IPCA de abril , e ainda saiu “arrotando grosso” dizendo que está valorizando o funcionalismo. O valor pode parecer pouco , mas se levar em conta que mais de 4000 mil servidores foram lesados , o malandragem foi muita.

 

 

 

Deixe uma resposta