Com as votações dos projetos de lei 007 – Plano de Cargos e Salários – e o Projeto 008 – Estatuto do Servidores – marcados para acontecer na sessão extraordinária da próxima segunda-feira (17) , ás 9h30 , na Câmara de Colombo , com tranca na porta e sem a presença dos donos da Casa , o povo, impedidos de participar por uma decisão do MP de Colombo que atendeu a petição de INTERDITO PROBITÓRIO impetrada pela mesa diretiva da Casa , o próximo golpe contra os servidores pode ser na Previdência para fechar o combo do mal.

A prefeita Beti Pavin (PSDB) pode fechar o pacote de  maldades com mais um Projeto de Lei , que também pode atingir o funcionalismo , ativos e inativos . Segundo se comenta nos bastidores , Beti Pavin ,assim como Greca , Richa e Temer , pode alterar pontos do atual regime, como o aumento da contribuição para os funcionários ativos , criar o regime de previdência complementar , fixar o limite de pagamento de aposentadorias e pensões , entre outros pontos.

Resta saber o mais importante: se a gestão vai usar os recursos da Colombo Previdência para aliviar o buraco do cofre da prefeitura , como também refazer o cálculo atuarial ou qualquer projeção da previdência que justifique o aumento do percentual e, que antes de congelar tem que demitir comissionados e acabar com as portarias privilegiadas?

 

 

Deixe uma resposta