A prefeita de Colombo, Beti Pavin, não conversa com os médicos e tem seu motivo pessoal, só pra variar!

Um prefeito da região metropolitana de Curitiba relatou o esquema da prefeita de Colombo, para superfaturar com a saúde do município, fazendo o que os tucanos amam, terceirizar, e de quebra, resolver seu “problema” de nepotismo.

Beti Pavin virou presidente da Comesp, Consorcio Metropolitano de Saúde, onde já pendurou seus cabides, é só investigar a informação do prefeito, dos nomes que estão lotados, reparar os que possuem P. (de Pavin), e outros nomes conhecidos que tiveram que ser exonerados da Prefeitura/Câmara.
Ela não fala com os médicos e não tem interesse nenhum em resolver o problema com os profissionais concursados do município que restaram, porque vai fazer a terceirização do SAMU e da UPA através do consórcio que se tornou presidente.
Nota do site:
Não podemos revelar a fonte da matéria pois estamos amparados pela lei.

Deixe uma resposta