Muitos conflitos de casal resultam do desejo de que o parceiro satisfaça as nossas necessidades infantis, como se ele tivesse de dar-nos o que deixamos de receber de nossos pais. Isto, porém, sobrecarrega o parceiro, principalmente quando veicula esta mensagem: “Sem você não posso viver!” A solução espiritual reside em ficar em paz com os próprios pais e em dizer ao parceiro: “O que recebi de meus pais basta, e isso eu partilho de boa vontade com você. E o que você traz dos seus pais basta, e eu me alegro se você o repartir comigo. E o que ainda nos falta nós conseguiremos por nossas próprias forças”. Quando este nível adulto de partilhar e de comunicar-se tem força, podemos nos permitir, às vezes, acessos de necessidades infantis, como em situações de estresse e doença. O parceiro estará presente por algum tempo, suportando e dando, até que melhoremos.
Jakob Robert Schneider

#constelaçãofamiliar #movimentodaAlma #ConsteladoraFernandaOliva

Próximo Workshop de Constelação Familiar no RJ: Dia 11/06
Inscrições para constelar e realizar assistência neste link: http://migre.me/vOEer

Atendimento individual terças e quartas.
Namaste
Fernanda Oliva

Deixe uma resposta