Em Assembléia Geral Extraordinária realizada agora á noite na sede do Sindicatos dos Médicos do Paraná – Simepar – por decisão unânime , os  médicos da rede municipal de saúde de Colombo optaram por entrar em greve a partir do dia 13 de junho .

A decisão foi pensada e repensada , e só foi tomada devido a falta de valorização da classe pela Prefeitura. Os profissionais estão há tempos reivindicando melhorias salariais e nas condições de trabalho.  A prefeitura iniciou um processo de negociação no inicio do ano e não deu continuidade , o que acabou por culminar com a decisão dos médicos nesta noite.

Para cumprir a lei , apenas 30% dos atendimentos de urgência e emergência ficarão a disposição do usuário dos sistema.

“É muito ruim ter que tomar essa decisão , mas foi uma ação de extrema necessidade para a classe , que estava sendo desvalorizada pela prefeitura” Declarou um médico.

Deixe uma resposta