Existe no corpo e na alma um lugar de conforto, mas antes é preciso tomar consciência para movimentar-se até lá.
Onde existe falta, há sentimento de abandono. Onde existe medo, vergonha,desconfiança, sentimento de não pertencimento… há camadas de proteção para evitar que a dor se repita. O que é normal. A máscara ou persona pode ser utilizada nos ambientes externos com consciência. A questão é quando estas camadas de proteção viram uma “bolha”, uma prisão onde se fica enclausurado. Esta bolha/prisão é guardada por um forte guardião do nosso sistema auto-protetor que não nos deixa sair. Este guardião tem dois lados. Por um lado “protege” e por outro fará de tudo para que a dor não se repita e reage ferozmente para evitar novos sentimentos de fracasso. Afasta as pessoas e dificulta o aprofundar dos relacionamentos. Assim a personalidade fica defensiva e é impossível realizar o seu propósito de se sentir satisfeito e feliz neste mundo.

Os nós sistêmicos ou emaranhados familiares são causados por acontecimentos passados que não foram processados no nível consciente e também inconsciente. Traumas esquecidos da fase infantil, principalmente da primeira infância e acontecimentos vivenciados por nossos ancestrais( pais, avós e até os mais distantes…) atuam em níveis mais profundos e muitas vezes não entendemos porque determinadas situações acontecem ou se repetem na nossa vida.

O autoconhecimento leva tempo é uma escolha consciente e acolhedora de reconhecer a sua história, seus medos, fragilidades padrões repetitivos e reações inconscientes. Uma escolha de caminhar em direção a sua verdade interior e viver de acordo com seu propósito é um ato de coragem. Neste caminho algumas vezes você pode se sentir perdido e desorientado, mas a partir de uma disciplina diária e determinação é possível sair da bolha do medo e caminhar em direção aos seus sonhos do coração.

A constelação familiar é uma técnica terapêutica que acontece como uma “cirurgia fina e profunda” onde imagens do inconsciente familiar ou energias passadas se apresentam para mostrar os nós e emaranhados que nos atrapalham e que precisam ser desfeitos para abrir caminhos e liberar energias paradas nesta “bolha”. O caminho de resgate de si é o caminho em direção ao seu coração a quem você é.
Fernanda Oliva
Consteladora familiar e Terapeuta Floral

Dia 11/06 terá um encontro de grupo, acontecerá o workshop de constelação familiar faciitado por mim. Será um prazer recebê-lo e apresentar este trabalho para aqueles que já sentiram vontade de conhecer mas ainda não se movimentaram a chegar.
Inscrições aqui neste link: http://migre.me/vOEer

Para quem preferir a constelação familiar individual o atendimento acontece as terças e quartas semanais e pode ser agendado inbox.Neste caso o trabalho é realizado com bonecos, tapetes e visualização.
namaste

Fonte: Fernanda Oliva – Constelação Familiar – https://www.facebook.com/fernanda.oliva2

Deixe uma resposta